Marketing

Marketing para Varejistas: as melhores estratégias e ferramentas

A “Ciência do Marketing” é, sem dúvidas, uma das mais importantes no mundo dos negócios. Afinal, de nada adianta ter os melhores produtos do mundo se ninguém sabe que eles existem e sequer conhecem a sua loja, não é mesmo?

Por força das inovações tecnológicas, o marketing passou por fortes mudanças nos últimos anos. A ascensão das redes sociais e o poder alcançado pelos motores de busca acabaram forçando os “marqueteiros” a buscar por novas soluções.

Daí, o que verificamos ao longo dos anos foi o nascimento de novas vertentes do marketing e muitas ferramentas inovadoras. Por força dessas inovações, o marketing acabou se tornando mais acessível. Aliás, nada impede que você faça o marketing da sua empresa.

Sabendo disso, este post irá lhe apresentar as melhores estratégias e ferramentas de marketing para varejistas. Com os conhecimentos que você irá acumular por aqui, suas ações de divulgação se tornarão muito mais eficientes e você ainda poderá monitorar as ações do seu time de marketing. Isto é, este post está imperdível… vamos começar?

Email Marketing…

Para abrir esta lista com as melhores ferramentas e estratégias de marketing, nada melhor do que falarmos sobre o Email Marketing. Embora muitos digam que os emails estão caindo em desuso, essa opção ainda é extremamente eficiente.

Veja bem: quando uma pessoa aceita receber emails do seu negócio, ela está dando uma autorização para você entrar em contato diretamente com ela. E um email é algo muito mais pessoal e direto.

Em um mundo no qual a criação de uma relação com os clientes está cada vez mais importante, ter um canal para falar diretamente com o seu público-alvo é essencial. E é exatamente isso que uma lista de emails deve proporcionar.

Quando aplicamos os conceitos de Email Marketing no ramo do varejo, acabamos tendo opções ainda mais versáteis. Por exemplo, você pode configurar um sistema de disparo de emails sempre que um cliente abandona um produto no carrinho.

Outros exemplos importantes seriam:

  • enviar um email após a compra, para perguntar se tudo correu bem (e fidelizar cliente);
  • enviar emails constantemente, com promoções exclusivas;
  • usar emails para melhorar o relacionamento…

E essas são apenas algumas ideias. O potencial do Email Marketing é enorme. Melhor ainda, tudo pode ser preparado para acontecer de forma automática. Isto é, você só terá o trabalho de construir as listas e preparar os disparos. Depois disso, bastará fazer as otimizações, quando necessário.

Resumindo, usar emails em suas estratégias pode ser a alternativa com o melhor custo benefício. Não negligencie essa opção.

Facebook e Instagram…

Sim, de modo geral, muitas redes sociais podem ser utilizadas como ferramentas de marketing. No entanto, resolvemos focar na dupla “Facebook e Instagram” por conta da força dessas plataformas e seu potencial para atuar de forma conjunta.

Como você já deve saber, o Instagram é uma rede social que pertence ao Facebook. Logo, quando imaginamos um plano de marketing para uma dessas plataformas podemos aproveitar as ferramentas da outra.

O poderoso algoritmo do Facebook e suas ferramentas para anúncios podem ser utilizados no Instagram. E isso, claro, abre margem para muitas possibilidades.

Imagine que você queira fazer uma grande segmentação, a fim de veicular um anúncio apenas para um público bem específico. Você pode fazer uso dos mecanismos do Facebook Ads e lançar o anúncio também no Instagram.

Atualmente, o Facebook e o Instagram têm se apresentado como redes sociais muito usadas pelos brasileiros. Desse modo, não seria exagero algum dizer que aprender a usar essas plataformas em suas estratégias de marketing pode ser muito benéfico para o seu negócio.

Nesse sentido, não deixe de conferir essa dica poderosa – Facebook e Instagram: como utilizar essa combinação para sua estratégia de marketing…

Google Ads…

Assim como foi destacado no início deste post, o poder alcançado pelos motores de busca nos últimos anos é assustador. E quando falamos em motores de busca, o Google é o expoente máximo.

Porém, o destaque do Google, em termos de marketing, é o Google Ads. Por meio dessa ferramenta, é possível veicular anúncios em função das palavras-chave que um usuário digita no campo de pesquisas.

Por exemplo: digamos que você tenha uma loja virtual que vende sapatos. Não seria muito interessante que um anúncio da sua loja aparecesse assim que um possível cliente digitasse algo como “quero comprar um sapato”? Percebe a clara intenção de compra?

Bem, a situação do exemplo seria a ideal, mas nem sempre as pesquisas são tão objetivas assim. Por isso, entender como funciona a plataforma Google Ads é muito importante.

Apenas com uma boa pesquisa de palavras-chave e uma configuração correta o potencial do Google Ads pode atingir o nível máximo. E quando esse nível é alcançado, suas taxas de conversão podem aumentar consideravelmente.

Portanto, dedique todo o tempo necessário à configuração das suas campanhas no Google Ads. O serviço é muito interessante para melhorar os resultados de um eCommerce. Realmente, vale a pena conferir!

Programas de Afiliados…

Ingressar no mercado de afiliados também é uma das opções mais inovadoras dos últimos tempos, dentro do mundo do marketing. Nesse mercado, temos pessoas que possuem links bem específicos fazendo a divulgação de produtos. A cada venda fechada por meio desses links, essas pessoas recebem uma comissão.

Quando esse mercado começou a dar os primeiros passos aqui no Brasil, as vendas eram, em sua maioria, de produtos digitais. No entanto, ao longo dos anos, as grandes lojas passaram a liberar links de afiliados. Daí, produtos físicos também “entraram no pacote”.

No caso de uma loja, essa alternativa pode ser explorada de diversas formas. Você pode criar uma vitrine com diversos produtos e apenas encaminhar as pessoas para a compra. Nesse caso, já existem muitas plataformas que lhe ajudam a fazer a oferta dos links através de cupons.

E nada impede também que você crie um programa de afiliados em sua loja. Dessa maneira, você estaria “contratando” um time de vendedores e promotores do seu negócio. Como as comissões só são pagas após a concretização das vendas, a ideia pode ser muito viável.

Por conta disso, o ideal é que você analise esse mercado com cuidado e avalie as principais plataformas que atuam nele. Após ter um noção clara de como tudo funciona, os resultados poderão ser colhidos de uma forma bem eficiente.

Sistemas de Cashback…

Para encerrar esta lista de estratégias e ferramentas de marketing, temos os sistemas de Cashback. Esses sistemas têm ganhado bastante força nos últimos anos.

Aliás, até mesmo a B2W (empresa que controla as Lojas Americanas, o Submarino e a Shoptime) resolveu criar seu próprio sistema de Cashback (o AME). E isso prova o quanto essa ideia é forte.

Em um sistema de Cashback temos três “pessoas” envolvidas: a loja, o comprador e a plataforma de Cashback. De uma forma resumida, a ideia do sistema é a seguinte:

  • A loja paga à plataforma de Cashback para fazer a divulgação dos produtos dela;
  • A Plataforma de Cashback faz o marketing, mas executa as ações de uma forma diferente. Ela oferece aos compradores parte do valor que foi recebido das lojas, sob a forma de Cashback;
  • O comprador adquire o produto junto à loja e recebe de volta um percentual do valor gasto na compra.

O sistema é muito inteligente e pode funcionar muito bem como um diferencial competitivo. Não à toa, muitas lojas (como a B2W) têm apostado nessa opção, tanto para melhorar a divulgação quanto para fidelizar os clientes.

Marketing para Varejistas: agora é só agir…

Conforme pôde perceber, a “Ciência do Marketing” já evoluiu a tal ponto, que qualquer pessoa com vontade de aprender pode realizar ações bem positivas. Neste post, você ficou conhecendo algumas das ferramentas e estratégias mais utilizadas e verificou que tudo pode ser aplicado por você mesmo(a), sem grandes dificuldades.

Diante disso, podemos concluir que, se você realmente quiser trabalhar o marketing em sua loja, você pode fazer isso. Para alcançar a eficiência máxima, basta seguir as dicas apresentadas aqui e nos outros posts do Blog. Assim, sem demoras, os seus resultados começarão a melhorar consideravelmente. Boa sorte em seus empreendimentos… até mais!

Posts Relacionados

Sem comentários

    Deixe um comentário