O maior blog de Retail Media do Brasil: tudo que você precisa saber sobre mídia no varejo!
Quais são os principais KPIs de Retail Media?

Quais são os principais KPIs de Retail Media?

Descubra quais são os principais KPIs de Retail Media e aprenda como mensurar cada ponto das suas campanhas!
06/06/2024 6 minutos de leituraPor Lorena Severino

No contexto do varejo físico e online, os KPIs de Retail Media são essenciais para medir os resultados de diferentes estratégias de publicidade. É essa metrificação que ajuda as empresas a entenderem o verdadeiro impacto de suas campanhas. 

Seja qual for o propósito das campanhas  – aumento de vendas, geração de leads, melhoria na visibilidade de marca -, os KPIs são uma forma de monitorar essas metas estabelecidas.

Desse modo, decisões mais acertadas e totalmente voltadas a dados podem ser tomadas com facilidade. Confira quais são os KPIs de Retail Media mais utilizados pelo mercado para medir os resultados das campanhas de mídia!

Quais são os principais KPIs de Retail Media? 

1. Lift de Venda

A métrica do Lift de Venda mede o aumento percentual nas vendas em relação a uma campanha realizada. 

Por exemplo, em uma campanha de display (banner), caso haja um aumento de 25% das vendas de um produto em relação a certo período anterior, o Lift de Venda produzido por essa intervenção será justamente de 25%.

A pesquisa Retail Media Insights apontou que o indicador mais importante para as ações de Retail Media é justamente o Lift de Vendas, conforme apresentado na imagem abaixo. 

2. ROAS

O ROAS consiste em uma sigla que significa “Retorno sobre o Investimento em Publicidade”, do inglês “Return on Advertising Spend”. Sua principal função é medir os gastos com os anúncios em campanhas de marketing e publicidade.

Assim, um ROAS alto é indicativo de campanhas gerando receita maior do que o investimento realizado, enquanto que o contrário indica que mudanças precisam ser realizadas. É bem parecido com o ROI (Return of Investment), comumente utilizado para medir diversos tipos de ações de marketing. 

Para chegar-se ao número exato do ROAS, é necessário aplicar a seguinte fórmula:

ROAS = Receita Gerada com a Campanha / Custo Total da Campanha

Dessa forma, caso uma empresa invista R$ 100.000 em anúncios que gere R$ 1 milhão de receita, o ROAS ficaria da seguinte maneira:

ROAS = R$ 1.000.000 / 100.000 = 10

Ainda segundo o estudo Retail Media Insights, o ROAS das campanhas é o segundo fator mais relevante como indicador das operações de mídia hoje em dia.

3. Share de Venda

O Share de Venda é um KPI que basicamente mede a fatia de mercado ou participação de um produto perante às vendas totais de uma determinada categoria de produtos no varejo.

Simplificando, o Share de Venda é o percentual de vendas do anunciante dentro de um determinado canal.

Para chegar-se à porcentagem do Share de Venda é necessário realizar a seguinte operação matemática:

Share de Venda = (Vendas da marca / vendas do canal) x 100

Assim, caso a marca tenha vendido 50 produtos em determinado período analisado e a venda total do canal na categoria analisada foi de 100 produtos, tem-se a seguinte conta:

Share de Venda = (50 / 100) x 100 = 50%

O Share de Venda nesse exemplo é, portanto, de 50%. Segundo a mesma pesquisa sobre Retail Media, esse KPI ocupa a terceira posição no ranking dos indicadores mais importantes para operações de mídia, seguido do Share de Busca, explorado a seguir.

4. Share de Busca

O conceito de Share de Busca como KPI indica a proporção de impressões de anúncios de busca que uma marca recebe em relação ao total de impressões do canal de varejo.

Share de Busca = (Número de Impressões da Campanha / Número de Impressões Total) x 100

Um exemplo simples é o seguinte: imagine que uma marca de roupas teve 100 impressões em um anúncio de busca durante um dia específico. O total de impressões de anúncios de busca no site em questão foi de 500. Dessa forma, tem-se:

Share de Busca = (100 / 500) x 100 = 20%

5. ACOS

Praticamente o contrário de ROAS, ou seja, o Advertising Cost of Sale (Custo de publicidade por Venda) divide o valor investido em publicidade pelo total gerado em vendas. 

ACOS: Valor investido em publicidade / Total gerado em vendas 

6. Conversão e Taxa de Conversão 

A conversão acompanha o número de usuários que realizam ações desejadas. 

No Retail Media, se o cliente realizar a compra de um produto anunciado, isso se caracteriza como uma conversão e pode ser medido tanto por volume, como também pela Taxa de Conversão, aplicando a seguinte fórmula:

Taxa de Conversão: (Número de Conversões / Número total de cliques no anúncio) x 100

Por exemplo, se um site recebeu 1.000 visitas em um mês e teve 20 conversões (compras), a taxa de conversão seria:

Taxa de Conversão: (20/ 1000) x 100 = 2%

7. Taxa de Cliques (CTR) 

O CTR (Clique Through Rate) representa a porcentagem de pessoas que clicaram em um anúncio em relação ao número total de pessoas que viram o anúncio. Uma CTR alta indica um bom envolvimento com a campanha. Segue a fórmula:

CTR: (Total de cliques / Total de Impressões) x 100

8. Custo por Mil Impressões (CPM) 

Para calcular o CPM, deve se dividir o custo total da campanha pelo número de impressões multiplicado por mil. 

CPM: (Custo total da campanha / Número de impressões) x 1000

9. Orçamento

O orçamento corresponde ao valor disponibilizado pelo anunciante que será utilizado para a contratação das campanhas de Retail Media. 

Em geral, é considerado um valor máximo diário, de forma a garantir uma previsibilidade de duração deste orçamento, permitindo inclusive o trabalho de ganho de eficiência com o tempo.

10. Lifetime Value (LTV) 

O Lifetime Value (LTV), ou Valor Vitalício do Cliente, é uma métrica que representa o valor total que um cliente médio gera para uma empresa ao longo de seu relacionamento como cliente.

Essa métrica é crucial para avaliar o impacto financeiro dos clientes ao longo do tempo e orientar as estratégias de marketing e retenção. Dentro do contexto de Retail Media, podemos pensar nos clientes que a campanha captura e que se tornam recorrentes ao longo do tempo. A fórmula para cálculo é: 

LTV: Receita Média por Cliente x Média de Tempo de Vida do Cliente

Como utilizar KPIs de Retail Media a seu favor?

Por meio dessas análises minuciosas e bem-estruturadas, as marcas têm a oportunidade de aprimorar sua visibilidade e relevância nos resultados de busca dentro do canal de varejo específico. 

Identificar palavras-chave mais eficazes, ajustar lances de anúncios e direcionar corretamente as campanhas também tornam-se práticas essenciais para maximizar o ROAS e demais KPIs de Retail Media. 

Dessa forma, com uma estratégia de anúncios aprimorada, as marcas podem estabelecer conexões mais sólidas com os consumidores, expandir sua base de clientes e potencializar o crescimento de seus negócios dentro do cenário em constante evolução do Retail Media.

Para entender um pouco melhor como Retail Media tem um papel estratégico entre marcas e varejos, confira qual é a visão da Ambev sobre o tema! 

Lorena Severino

Especialista em Marketing, com forte atuação na criação de conteúdos relacionados ao varejo brasileiro.

Publicações relacionadas